casos de estudo

Apresentam-se de seguida os treze casos de estudo que serão analisados no projecto de investigação (com respectivas hiperligações):

I
Average Homeboy de Denny Blaze (HAZEN 1989)

II
Marching Song de Esben & the Witch (KING et al. 2010)
Born Free de M.I.A (GAVRAS 2010)

III
TED de Adam Sadowsky
A Million Ways dos Ok Go (OK GO 2005)
Here It Goes Again dos Ok Go (OK GO et al. 2006)
Do What You Want dos Ok Go (BLIP et al. 2006)
This Too Shall Pass dos Ok Go (PERKINS 2010)
This Too Shall Pass dos Ok Go (FROST 2010)
End Love dos Ok Go (LIEBERMAN et al. 2010)
White Knuckles dos Ok Go (SIE 2010)
All Is Not Lost dos Ok Go (OK GO et al. 2011)
Needing/Getting dos Ok Go (PERKINS 2012)

IV
Heaven Can Wait de Charlotte Gainsbourg & Beck (SCHOFIELD 2009) – Vimeo
Heaven Can Wait de Charlotte Gainsbourg & Beck (SCHOFIELD 2009) – YouTube
Post original do Antville

 

Os casos de estudo, sobre os quais irá incidir dedutivamente o modelo de análise da convergência e o modelo conceptual da difusão videomusical na Web Social, foram retirados do corpus epistemológico e integram a amostra teórica da investigação.

A seleção dos casos de estudo foi regida por dois critérios orientadores: a sua representatividade e complementaridade. O primeiro critério visa garantir que os casos de estudo selecionados representem exemplos eloquentes de convergência e difusão videomusical, isto é, que os mesmos tenham sido alvo de uma massa de mecanismos de difusão suficientemente crítica para possibilitar a sua análise: em dezembro de 2012, a amplitude de visualizações no YouTube dos casos de estudo ia dos 457 mil (KING et al. 2011) aos 38 milhões (FROST 2010). O segundo critério tem como objectivo possibilitar uma aplicação dedutiva o menos redundante possível de uma parte mais significativa e abrangente do potencial de análise e conceptualização dos modelos de convergência e difusão videomusical nos diferentes casos de estudo.

Apesar de os treze casos de estudo servirem igualmente de pretexto para aprofundar algumas dimensões mais abstractas da convergência videomusical, da desmaterialização dos registos musicais na Web e do actual status quo da indústria discográfica e da televisão musical na emergente paisagem mediática digital, os mesmos foram divididos em quatro grupos temáticos específicos:

casosdeestudo

Anúncios

7 comentários a “casos de estudo

  1. Pingback: Casos de Estudo abordados na tese | mv flux

  2. Pingback: Kitsch vs Camp: uma abordagem hipertextual aplicada ao formato videomusical | mv flux

  3. Pingback: Amostra teórica | mv flux

  4. Pingback: Proposta de artigo para a revista Comunicação e Sociedade #23 | mv flux

  5. Pingback: Quatro livrinhos quatro | mv flux

  6. Pingback: Caseiro e de trazer por casa | mv flux

  7. Pingback: Novo vídeo dos Ok Go (at last!) | mv flux

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s